FINTECHS | REGULAMENTAÇÃO NÃO ATRAI INVESTIDORES

Compartilhe nas redes!

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Por Sylton Sanches – CEO da Vértice Contadores

 

Após mais de 1 (um) ano da publicação pelo Banco Central do Brasil – BACEN, da Resolução nº 4.656/2018, que regulamentou critérios e condições para a transformação das atuais Fintechs em instituições financeiras, são poucos os investidores que se animaram a se submeter aos critérios estabelecidos pelo BACEN, a prova é o fato de apenas 4 empresas terem já obtido suas autorizações para funcionar e apenas outras 14 empresas estarem em processo de análise pelo BACEN.

 

O número é pouco considerando a totalidade das empresas que já atuam no mercado como Correspondentes Bancários e que em razão das normas estabelecidas pelo BACEN, empresas de pequeno porte dificilmente se enquadram, abrindo assim o mercado apenas para empresas com porte maior que já atuavam de certa forma no mercado de crédito e viram uma oportunidade de se estabelecerem como uma instituição financeira sem os mesmos requisitos exigidos para uma instituição tradicional, como um Banco por exemplo.

 

Entre os pontos mais dificultadores destaca-se a necessidade de comprovação de Capital Social de, no mínimo, R$ 1 milhão, além de necessidade de informações sobre os sócios proprietários, comprovação da origem dos recursos utilizados no empreendimento e a verificação da compatibilidade da capacidade econômico-financeira com o porte, a natureza e o objetivo do empreendimento.

 

Apesar dos critérios rígidos, a regularização abriu caminho para as Fintechsatuarem independente de parceria com alguma instituição financeira convencional, aumentando assim a concorrência no sistema financeiro levando assim a possibilidade de acesso maior ao sistema financeiro e a busca por taxas menores e mais competitivas através de alguns alguns benefícios, entre eles:

 

  • Realização de operações financeiras diretamente com as partes envolvidas (investidor > tomador do empréstimo) sem a dependência de um Banco
  • Autonomia e facilidade para desenvolvimento e oferecimento de novos produtos
  • Atuação como representante de seguros
  • Emissão de moeda eletrônica
  • Estabelecer nichos de mercado como objetivos

 

Importante destacar a necessidade de procurar acompanhamento profissional com know howreconhecido tendo em vista o processo, junto ao BACEN, por si só ser bastante longo, podendo demorar de 6 a 8 meses, em razão da grande quantidade de informações, documentos e critérios a serem atendidos.

Se você precisa de serviço relacionado ao artigo ou necessita de maiores informações sobre o assunto, conte conosco, da Vértice Contadores.

Temos o preparo necessário para te ajudar – tanto a se manter em conformidade legal, quanto a melhorar seus resultados a partir das nossas soluções relacionadas a tais aspectos:

  • Contabilidade Geral;
  • BPO Financeiro;
  • Contabilidade Consultiva;
  • Legalização e Processos.

Entre em contato conosco utilizando as informações disponibilizadas em nosso website, caso você prefira, você pode utilizar a ferramenta de chat do WhatsApp, ela fica localizada no canto inferior direito de sua tela.

Será um prazer conversar com você. Até logo!

PRESSIONE AQUI AGORA MESMO E FALE JÁ CONOSCO PARA MAIS INFORMAÇÕES!

Fique por dentro de tudo e não perca nada!

Preencha seu e-mail e receba na integra os próximos posts e conteúdos!

Compartilhe nas redes:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on linkedin
LinkedIn
Veja também

Posts Relacionados

Você está a um passo de revolucionar a gestão da sua empresa

Com o nosso apoio, administrar o seu negócio será muito mais fácil: todas as soluções que seu empreendimento precisa em um só lugar.

Recomendado só para você
CONCEITO São empresas, normalmente Startups, voltadas para o desenvolvimento de…
Cresta Posts Box by CP
Back To Top
Open chat