Dicas para renegociar suas dívidas

Portaldoholanda 766293 Imagem Foto Amazonas - Contabilidade em Brasília | Vértice Contadores e Associados S/S Ltda.

Compartilhe nas redes!

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

1 – Compreenda o seu caso

Um consumidor que paga o empréstimo no tempo tem um poder de barganha diferente daquele que está que está em falta. O melhor momento para renegociar é quando constata-se que terá dificuldade para continuar pagando seu empréstimo até a data de vencimento. “E se você já deixou de pagar, é hora de se apressar para renegociar. Mas o melhor é antecipar o problema,”adverte o professor e diretor da escola de negócios do mercado financeiro da Fundação Armando Alvares Penteado (FAAP), Tharcisio Souza Santos.

2 – Avalie a melhor solução

Para valer a pena, o consumidor deve poder renegociar pagar menos e não comprometer mais de 30% de sua renda mensal com a quitação das dívidas. O período de pagamento também deve entrar em negociação. Não adianta parcelar uma dívida em mais vezes, mas com os juros mais altos. Na avaliação dos especialistas, o primeiro passo é procurar o banco credor com uma proposta, para depois tentar outras opções como a portabilidade bancária.

3 – Compare as taxas

A taxa aplicada varia de acordo com o perfil do cliente e de acordo com a análise de risco. Portanto, é preciso atenção aos números divulgados pelos bancos. Em busca da melhor oferta, uma dica de Santos, a FAAP, prossegue sempre os valores mais semelhantes às taxas de folha de pagamento (normalmente o mais baixo no mercado).

4 – Faça as contas

O importante é encontrar uma situação em que o dinheiro emprestado vai custar menos, qualquer que seja a opção escolhida para renegociação. No caso de portabilidade do banco, os valores de manutenção de conta e outros serviços bancários devem ser considerados. A transferência de dívidas entre os bancos está isenta da cobrança do imposto sobre operações financeiras (IOF), a resolução do Banco Central.

5 – Faça uma oferta

Envie uma carta para o banco apresentando os motivos da renegociação. “É essencial agora também propor a solução através de um plano de pagamento,” diz o Professor de investigação Instituto de contabilidade, atuariais e financeiras (Fipecafi), Silvio paixão.

6 – Conhecer sua capacidade de pagamento

Não apresente uma proposta de renegociação se não pode cumprir. Seja racional e consciente.

7 – Barganhe sempre

“O objetivo do credor é receber, por isso o interesse na renegociação sempre existe por parte do banco”, diz o professor e coordenador do curso de administração do Ibmec, Eduardo Coutinho. Por esse motivo, o consumidor pode e deve barganhar melhores taxas e condições de pagamento.

8 – Juros não pagam juros

Um erro comum é o consumidor dever juros e ao mesmo tempo ter dinheiro aplicado em algum tipo de investimento.”Mas isso não é uma boa estratégia, não há nenhuma similaridade entre os juros cobrados por bancos e os juros pagos sobre os investimentos. Os rendimentos não pagam os débitos”, afirma Santos, da Faap.

9 – Procure ajuda profissional

Consumidores mais endividados podem procurar a ajuda de professores e especialistas em proposta de renegociação da dívida financeira para criar uma quitação das dívidas. Procons e governo departamento jurídico também ajudam a mediam uma solução para a instituição financeira.

10 – Não repita o problema

Se seus débitos tenham atingido um nível insustentável de pagamento, você primeiro deve elaborar um plano para renegociar que pode ser satisfeito. Então é hora de beliscá-lo na raiz e não fazer novos empréstimos sem consciência financeira.

Se você precisa de serviço relacionado ao artigo ou necessita de maiores informações sobre o assunto, conte conosco, da Vértice Contadores.

Temos o preparo necessário para te ajudar – tanto a se manter em conformidade legal, quanto a melhorar seus resultados a partir das nossas soluções relacionadas a tais aspectos:

  • Contabilidade Geral;
  • BPO Financeiro;
  • Contabilidade Consultiva;
  • Legalização e Processos.

Entre em contato conosco utilizando as informações disponibilizadas em nosso website, caso você prefira, você pode utilizar a ferramenta de chat do WhatsApp, ela fica localizada no canto inferior direito de sua tela.

Será um prazer conversar com você. Até logo!

PRESSIONE AQUI AGORA MESMO E FALE JÁ CONOSCO PARA MAIS INFORMAÇÕES!

Fique por dentro de tudo e não perca nada!

Preencha seu e-mail e receba na integra os próximos posts e conteúdos!

Compartilhe nas redes:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on linkedin
LinkedIn
Veja também

Posts Relacionados

Você está a um passo de revolucionar a gestão da sua empresa

Com o nosso apoio, administrar o seu negócio será muito mais fácil: todas as soluções que seu empreendimento precisa em um só lugar.

Recomendado só para você
A redução da taxa básica de juros (Selic) para 9%…
Cresta Posts Box by CP
Back To Top
Open chat